Conheça nosso Blog
métricas de redes sociais

Conheça 8 métricas de redes sociais que você precisa monitorar agora!

Você ainda acha que o número de curtidas na sua página do Facebook significa que sua estratégia de marketing digital está alcançando bons resultados? Bom, dependendo do seu objetivo, essa pode não ser um parâmetro adequado. É preciso ir além. Buscar e monitorar novas métricas é o primeiro passo para acompanhar o desempenho das suas ações e aperfeiçoá-las. Para te ajudar nessa tarefa, listamos as melhores métricas de redes sociais ao longo deste artigo. Leia até o final para conhecê-las.

8 melhores métricas de redes sociais para monitorar

dados indicando as redes sociais

As métricas são dados (ou cruzamento de dados) utilizados para mensurar o resultado das campanhas em tempo real. Por sua vez, um dado é qualquer número observável que indica uma informação relevante — nesse caso, dentro do ambiente online. Cada rede social possui particularidades em relação aos seus indicadores de desempenho, porém compartilham de algumas métricas similares. Veja quais são as métricas de redes sociais consideradas “universais”, a seguir.

1- Alcance

O alcance define o número de pessoas que visualizaram qualquer publicação na sua página. Ele pode ser separado em dois tipos: alcance orgânico (pessoas atingidas pela postagem de maneira não paga) e alcance pago (pessoas atingidas por meio de anúncios pagos).

O alcance orgânico está diretamente relacionado ao algoritmo das plataformas, que referem-se aos critérios que definem a relevância dos conteúdos. É válido ficar atento a essa informação, uma vez que cada rede social possui seus próprios parâmetros para entregar as postagens aos seus usuários de forma orgânica.

2- Engajamento

O engajamento é uma das métricas de redes sociais mais importantes para ações de branding. Ele define o nível de interação do público com a sua publicação, tendo em vista o número de curtidas, comentários e compartilhamentos.

A taxa de engajamento revela o quanto as pessoas estão envolvidas com seu conteúdo. Ou seja, um engajamento positivo é aquele perfeito para marcas que têm o objetivo de transmitir uma imagem forte a seu público. Mas, lembre-se: o engajamento oferece noções de quantidade, apenas. Para compreender a qualidade das interações, veja a próxima métrica.

3- Sentimento

O engajamento da sua publicação atingiu níveis satisfatórios, ótimo! Mas, as pessoas estão comentando positivamente ou negativamente? Aqui entra umas das métricas de redes sociais que avaliam a qualidade das interações: o sentimento.

Essa métrica é primordial para analisar o feedback dos usuários e entender se a publicação está, de fato, agradando o seu público. A partir dessa análise, é possível comprovar a efetividade das ações positivas. Quando os resultados são negativos, permite que a marca estude novas ações para melhorar sua presença online.

4- Taxa de cliques (CTR)

A taxa de cliques (CTR) indica a porcentagem de vezes que as pessoas visualizaram seu conteúdo e clicaram nele. Em geral, é analisada em anúncios pagos e estratégias de marketing de conteúdo, como aquelas que direcionam o tráfego das redes sociais para um post no blog, por exemplo.

Para verificar o CTR, basta ver o número de cliques da publicação e dividi-lo pelo número de impressões. Para obter o CTR em porcentagem, multiplique o resultado obtido por 100. Uma boa dica é analisar essa métrica junto ao tráfego de redes sociais, que falaremos a seguir.

5- Tráfego social

Uma das métricas de redes sociais mais assertivas é o tráfego, pois é adquirido no Google Analytics, plataforma de análise de dados online. Por meio do tráfego é possível medir o real volume de acessos às mídias sociais, ou seja, quantas pessoas visitaram seu perfil. Além disso, também serve para mostrar quantos usuários acessam seu site vindos de posts nas redes sociais.

6- Taxa de rejeição

A taxa de rejeição é uma das métricas de redes sociais que uma marca nunca deve desejar que esteja alta. Afinal, ela mostra quantas pessoas estão rejeitando seu conteúdo de acordo com bloqueios no feed, descurtidas de páginas e denúncias de SPAM.

Em outros casos, essa taxa também apresenta outros dois indicados: a porcentagem de usuários que realizaram uma sessão de página de site ou acessos que não tiveram interações na página. Essa métrica deve ser muito bem avaliada para que sejam postas em práticas as devidas melhorias, com o intuito de reverter a situação.

7- Crescimento por canal

O crescimento da sua empresa por canal pode ser calculado a partir da análise de três fatores em conjunto: aumento da base de seguidores, engajamento e tráfego social. Aqui, verifica-se o crescimento do número de seguidores como forma de medir o envolvimento do público com a página. Essa é uma métrica de vaidade e, portanto, deve ser analisada com cuidado. É mais assertiva em ações de branding.

8- Conversão

O último item da nossa lista de métricas de redes sociais — e, talvez, o mais importante — é a conversão. A taxa de conversão indica quantas pessoas estão realizando a ação desejada pela empresa. Por exemplo, pedidos de orçamento via site, ligações telefônicas, preenchimento de formulários, etc. Esse dado é primordial para utilizar nos perfis de lojas virtuais.

pessoas em uma mesa usando tablets e notebooks, com ícones fictícios de redes sociais no centro

Agora que você já conhece as principais métricas de redes sociais, não deixe de acompanhá-las de perto para obter resultados cada vez mais satisfatórios. Para isso, conte com quem entende do assunto. Conte com a Trii. Somos uma agência de marketing digital que atua tanto no Rio de Janeiro quanto em São Paulo. Entre nossos serviços, oferecemos uma completa gestão de redes sociais para empresas que desejam vender mais pela internet. Agende uma conversa com a gente e venha conhecer o mundo das conversões!

Gostou deste artigo? Continue lendo conteúdos semelhantes no blog da Trii. Separamos alguns artigos que podem ser úteis para você:

Posts Recentes Categorias Tags